Musculação
Crossfit

Musculação

VIEW COURSE

A prática da musculação

Um fundamento milenar

Hoje a musculação pode ser considerada uma das mais faladas modalidades entre a sociedade moderna. Diante dos benefícios dos quais vem demonstrando no meio empírico e, claro, científico também, esta é uma das principais crescentes no meio esportivo, envolvendo inúmeros aspectos desde os relacionados à saúde, ao aspecto físico, à busca por objetivos específicos, a busca por objetivos sociais, o envolvimento com questões psicológicas, o envolvimento com a mídia, o envolvimento com o marketing, o envolvimento com inúmeras outras disciplinas, variando da nutrição à biomecânica e outros tantos. Portanto, é terminantemente importante conhecermos pouco a pouco do que uma simples prática pode nos incrementar, buscando sempre obter os melhores resultados frente a esta realização.

Uma das práticas físicas mais antigas entre os homens e até mesmo entre os animais, é a musculação. De maneira implícita, racional ou irracional, a grande maioria dos indivíduos animados que possuem musculatura tem implícito em si o ato de mover-se. Assim, se, por definição buscarmos a palavra “musculação” essa expressa-nos diretamente ao sentido de “ação muscular”, ou seja, a ação motora de um músculo.

O ato de agachar-se, de levantar objetos do chão, sejam eles de grande peso ou não, o ato de realizar movimentos bruscos, de empurrar e puxar coisas e outros já nos mostram os primeiros princípios do que temos hoje, de maneira muito mais evoluída, é claro.

Mas afinal, quais são os benefícios que a musculação pode nos trazer?

musculação hoje é associada com benefícios, iremos falar alguns benefícios comprovado cientificamente, fora os que estão sendo estudados, os que serão descobertos e etc. Porém como o intuito é mostrar a vocês os melhores benefícios da musculação, vou citar alguns e explicá-los.

Entre alguns atualmente mais conhecidos podemos citar:

– Aumento da massa muscular: O aumento da massa muscular é fundamental na melhora da capacidade muscular, no auxílio indireto da redução da gordura corpórea, no aumento da taxa metabólica basal e etc. Ele também é essencial na busca de um convívio social melhor, pois por padrão a nossa sociedade que buscam perfeição na estetica.

– A redução do percentual de gordura corpórea: Além de, indiretamente reduzirmos a gordura corpórea com o aumento da massa muscular, conseguimos ainda com a prática da musculação, aumentar nosso gasto energético direto calórico e também no gasto indireto por conta da necessidade de reparação dos tecidos após o treinamento.

– A melhora na flexibilidade: A flexibilidade é algo bastante exigido e recrutado na musculação.

Pelo encurtamento e alongamento do músculo, entre outros fatores, esse já seria o bastante para a promoção de um estímulo a esse benefício. Mas ainda, devemos levar em consideração a capacidade que um atleta ou praticante de musculação necessita para exercer bem os exercícios mostrando assim fundamentalmente sua devida preocupação com a flexibilidade.

– A melhora na osteogênese: Com alguns estudos, percebeu-se que indivíduos que praticavam esportes de força, possuíam algumas regiões do corpo com uma osteogênese bastante evidente e mais, com ossos bastante consolidados. Desta forma, percebeu-se que, a influência da sobrecarga sobre os ossos, se realizada da maneira correta, influencia e de maneira positiva na formação óssea e em sua consolidação.

 

– Melhora na produção hormonal: Entre outros, o exercício físico possui bastante influência nos fatores hormonais de maneira direta ou indireta. É o caso do aumento da produção dos níveis de testosterona, de GH, de fatores de crescimento, de insulina (e na melhora à sensibilidade deste hormônio) entre outros tantos.

Além disso, não são só hormônios anabólicos que são estimulados com a prática da musculação, mas outros hormônios, tais quais a dopamina, a serotonina e outros hormônios/neurotransmissores associados com o bom humor e às inúmeras sensações de bem-estar e prazer.

– Melhora na capacidade cardiovascular e no controle da mesma: A musculação, por mais que muitos negligenciem esse fator é fundamentalmente importante em quesitos frente à respiração. É através da respiração que oxigenaremos os tecidos, auxiliando no trabalho dos mesmos. Para tanto, a prática frequente de musculação auxilia na melhora da respiração e, por conseguinte na capacidade cardiovascular. Além disso, em muitos casos, há uma leve hipertrofia cardíaca, o que auxilia também nesse fator.

 

NATAÇÃO

 

Natação melhora o sistema cardiovascular, força muscular, resistência e flexibilidade. O sistema cardiovascular melhora o devido uso do oxigênio em nosso corpo, e então ele funciona para não cansar o coração.
Já no caso de natação em repouso, frequência cardíaca e frequência respiratória é reduzida, diminuindo o fluxo sanguíneo para o coração e os pulmões e faz o coração trabalhar mais eficiente. Para perder peso, a natação também é fantástica. Natação pode queimar tantas calorias em uma hora como um corredor que corre seis milhas em uma hora.

Os benefícios que a natação promove.

Menor Impacto

 

O ato de flutuar na água reduz o impacto sobre o sistema esquelético. Devido ao fato de que a água sustenta parte do nosso peso, quando nadamos, nos sentimos mais leves. Realmente, se você submergir seu corpo até a cintura, o seu peso reduzirá em 50%, porcentagem que aumenta gradualmente até chegar a 90%, quando o corpo está submerso até o pescoço. Além disso, a água não muito fria ajuda a reduzir a rigidez nas articulações e aliviar os sintomas de outras enfermidades ósseas.

 

Restaura a mobilidade

 

As atividades aquáticas são excelentes para pessoas idosas, pois implicam menos riscos de contundir-se ou sofrer quedas, em comparação a outros tipos de exercícios. Como a água é 12 vezes mais densa do que o ar, qualquer movimento realizado dentro da piscina ajuda a fortalecer os músculos, desenvolver resistência e ajudar a restaurar a mobilidade das pessoas com problemas ósseos ou de articulações. As pessoas que não sabem ou não querem nadar podem realizar outras atividades aquáticas que também trazem muitos benefícios, como a dança, a caminhada ou hidroginástica.

 

Fortalece e tonifica os músculos

 

À diferença de outros tipos de exercício, a natação trabalha e coordena todos os principais grupos musculares do corpo. O alongamento e movimento de diversas articulações e ligamentos ajuda a aumentar a flexibilidade e fortalecer a massa muscular. Os exercicios aquáticos também demonstraram ser eficazes na hora de aumentar e fortalecer a densidade óssea, fato que contribui para tratar da osteoporose.

 

Ajuda a tratar da asma e aumentar a capacidade pulmonar

 

A prática regular desta atividade ajuda a aumentar a capacidade pulmonar e desenvolver técnicas de respiração que fazem bem à saúde. Por outro lado, a umidade do ambiente e a atividade em si demonstraram ser eficazes para aliviar os sintomas da asma, reduzir as crises e alguns outros problemas respiratórios.

 

Combate enfermidades cardíacas, colesterol e diabetes

 

Esta atividade beneficia pessoas com probemas cardíacos, pois ajuda a fortalecer o coração e melhorar a circulação sanguínea. O exercício aeróbico na água auxilia a combater a hipertensão e reações inflamatórias que podem causar complicações à saúde.

 

Como os níveis de colesterol bom (HDL) e colesterol mau (LDL) se estabilizam com a ajuda da atividade aeróbica, exercícios na água são uma forma excelente de controlá-los.

 

A prática da natação também em demonstrado eficácia no aumento da sensibilidade à insulina no caso dos pacientes com diabetes tipo I, e a reduzir o risco de desenvolver diabetes tipo II.

Style switcher RESET
Color settings
Color1
Color2